Notícias

PISA, resultados precisam melhoras muito

PISA, resultados precisam melhoras muito
Foto: Arquivo pessoal | Frederico S. Damasceno, novo colunista do Portal São Miguel, do Grupo Tri de Comunicação

Resultados de 2022

Na semana passada foram divulgados os dados do desempenho do Brasil na educação entre 2018 e 2022 no Pisa (Programa Internacional de Avaliação de Estudantes), que é a principal avaliação de educação básica no mundo. Este exame é aplicado a cada 3 anos em 81 países para avaliar o desempenho de alunos de 15 anos em matemática, leitura e ciências. Os dados divulgados foram referentes ao ano de 2022 e teve como foco maior nesta edição as habilidades em matemáticas.

Os índices são alarmantes visto que o país continua sendo um dos mais mal avaliados do mundo com notas bem abaixo das médias registradas pelos países da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico). Há de se destacar que não houve queda nos indicadores que foram impostos pela pandemia. O exame de 2021 foi adiado para 2022 por causa das restrições impostas na pandemia como, pode ser citado, os fechamentos das escolas.

O Brasil subiu na classificação, de 2018 para 2022, mas ainda é insuficiente para apontar um futuro melhor para a educação brasileira, visto o baixíssimo índice que temos e o anseio por um país mais desenvolvido e menos desigual. Já o topo dos países que valorizam a educação, principalmente nas três áreas de conhecimento é composto por Canadá, China, Coréia, Estônia, Japão e Suíça.

 

7 a cada 10 estudantes brasileiros

Em relação aos resultados constatou-se que 7 a cada 10 estudantes brasileiros de 15 anos não aprenderam o mínimo esperado de matemática. Esses alunos não conseguiram resolver contas simples, bem como, por exemplo, nem comparar a distância entre 2 rotas e nem resolver equações consideradas simples.

O percentual de alunos com baixo desempenho em matemática é de 31% nos países da OCDE ao passo que no Brasil é de 73%.  Ao analisarmos os dados observa-se que 4 anos atrás, em 2018, esse percentual era de 24% na OCDE e de 68% entre os brasileiros. Outro dado referente à disciplina é que somente 31 países conseguiram ao menos manter a mesma nota do ano de 2018, como Austrália, Coréia do Sul, Japão e Suíça.

Lamentavelmente, somente 1% dos alunos do nosso país obtiveram os melhores níveis de rendimento em matemática contra 41% de Singapura, que lidera o ranking com os melhores resultados. Isto contribui para que no ranking geral da disciplina, o país ocupe a 64º posição.

Esses resultados levaram o Brasil a cair 6 posições no ranking, saindo da 71ª posição em 2018 para 65ª nesta edição. Este indicador revela o nível da nossa educação perto de países como Argentina, Colômbia e Jamaica.        

Muitos profissionais de educação, sobretudo os professores alegam que um dos grandes desafios para mudar este cenário se deve a falta de professores de matemática e as dificuldades na formação.

 

Leitura e Ciências

Neste quesito o Brasil registrou um desempenho melhor, todavia ainda abaixo da média da OCDE. Outro dado lastimável é que 50% dos estudantes não conseguem encontrar a idéia principal em um texto ao passo que a média geral é de 26%.

A nota média do Brasil em leitura teve uma redução de 413 pontos para 410 se comparado ao ano de 2018, a última edição. Este resultado contribuiu para que o país saísse da 57ª posição em 2018 para 52ª no ano de 2022. Isto significa que o Brasil hoje tem o indicador próximo de países como Costa Rica, Colômbia, México e Peru.

Nos estudos de ciências, 55% dos alunos no país não sabem o mínimo esperado sobre o conteúdo necessário, como por exemplo, explicações sobre fenômenos científicos básicos para a idade.

Hoje o Brasil ocupa a 62ª posição no ranking empatando com a Argentina e o Peru.

----------------------
Receba GRATUITAMENTE nossas NOTÍCIAS! CLIQUE AQUI
----------------------

Envie sua sugestão de conteúdo para a redação:
Whatsapp Business PORTAL SMO NOTÍCIAS (49) 9.9979-0446 / (49) 3621-4806

Cotações

Dólar Americano/Real Brasileiro

R$ 5,19

Dólar Americano/Real Brasileiro Turismo

R$ 5,37

Dólar Canadense/Real Brasileiro

R$ 3,74

Libra Esterlina/Real Brasileiro

R$ 6,46

Peso Argentino/Real Brasileiro

R$ 0,01

Bitcoin/Real Brasileiro

R$ 333.408,00

Litecoin/Real Brasileiro

R$ 408,94

Euro/Real Brasileiro

R$ 5,48

Clima

Segunda
Máxima 25º - Mínima 20º
Céu nublado com chuva fraca

Terça
Máxima 24º - Mínima 18º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Quarta
Máxima 22º - Mínima 13º
Períodos nublados

Quinta
Máxima 22º - Mínima 10º
Céu limpo

Sexta
Máxima 23º - Mínima 11º
Céu limpo

Sobre os cookies: usamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.