Notícias

O papel do fonoaudiólogo para o desenvolvimento e bem-estar

A atuação do fonoaudiólogo tem como objetivo a prevenção, avaliação, diagnóstico, habilitação e reabilitação das funções auditivas, linguagem oral e escrita, voz e deglutição

O papel do fonoaudiólogo para o desenvolvimento e bem-estar
Foto: Ariana Silva - Fonoaudióloga e Consultora em Amamentação - CRFa 10308/SC

O fonoaudiólogo, geralmente, é muito procurado por profissionais que usam a voz como instrumento de trabalho e que buscam treinar ou corrigir algum problema na dicção, mas, o fonoaudiólogo pode fazer muito mais pela saúde das pessoas. Sua atuação no Sistema Único de Saúde (SUS) é abrangente e envolve diversas patologias relacionadas à comunicação humana.

A atuação do fonoaudiólogo tem como objetivo a prevenção, avaliação, diagnóstico, habilitação e reabilitação das funções auditivas, linguagem oral e escrita, voz e deglutição. O profissional pode atuar em todas as fases do desenvolvimento do ser humano, desde o nascimento.

:::Veja mais artigos do Viva Bem:::

As crianças são o público que mais utiliza o serviço de fonoaudiologia na saúde pública. A atuação pode ter início na maternidade, logo no nascimento. Neste momento é realizado o teste da orelhinha, que tem como objetivo a detecção precoce de alteração auditiva e com os bebês, na UTI neonatal, que precisem desenvolver a função de alimentação.

Rendimento escolar

As escolas têm papel fundamental no direcionamento de crianças, pois, ao apresentarem alguma alteração na fala ou aprendizado, a escola orienta os pais a procurar os serviços deste profissional.
Durante todo o desenvolvimento motor, de linguagem e fala, o fonoaudiólogo pode detectar alguma alteração e intervir para estimular as funções não adquiridas.

Prevenção e qualidade de vida

A fonoaudiologia pode prevenir, avaliar e tratar os problemas da voz falada, cantada, as disfonias e aperfeiçoar os padrões vocais. Qualquer dificuldade na produção da vocal pode ser considerado um problema, como rouquidão, cansaço ao falar, voz fina ou grossa, fraca ou forte demais. A Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia, destaca: se sua voz teve alterações nos últimos tempos, por exemplo, ficou rouca ou fraca e melhora quando você fica alguns dias sem falar muito e piora em situações em que usa mais a voz, é possível que você tenha um problema. Se isso durar mais que 15 dias, você deve consultar um fonoaudiólogo.

Dicas para manter a voz saudável:

-Evitar falar muito alto durante períodos longos, principalmente em ambientes que tem muito barulho;
- Evitar o esforço (pigarrear, gritar ou sussurrar);
- Fazer repouso vocal;
- Evitar o consumo de álcool e cigarro em excesso;
- Manter alimentação saudável;
- Ingerir bastante água;
- Falar devagar e articular bem.

Hospital Regional Terezinha Gaio Basso de São Miguel do Oeste

Ariana Silva - Fonoaudióloga e Consultora em Amamentação - CRFa 10308/SC

Diretor Técnico - Vinicius Negri Dall’Inha - Cirurgião Oncológico – CRM 15904 / RQE 13771

 

 

----------------------
Receba GRATUITAMENTE nossas NOTÍCIAS! CLIQUE AQUI
----------------------

Envie sua sugestão de conteúdo para a redação:
Whatsapp Business PORTAL SMO NOTÍCIAS (49) 9.9979-0446 / (49) 3621-4806

Cotações

Dólar Americano/Real Brasileiro

R$ 5,18

Dólar Americano/Real Brasileiro Turismo

R$ 5,36

Dólar Canadense/Real Brasileiro

R$ 3,77

Libra Esterlina/Real Brasileiro

R$ 6,46

Peso Argentino/Real Brasileiro

R$ 0,01

Bitcoin/Real Brasileiro

R$ 338.745,00

Litecoin/Real Brasileiro

R$ 419,98

Euro/Real Brasileiro

R$ 5,51

Clima

Segunda
Máxima 25º - Mínima 20º
Céu nublado com chuva fraca

Terça
Máxima 24º - Mínima 18º
Céu nublado com aguaceiros e tempestades

Quarta
Máxima 22º - Mínima 13º
Períodos nublados

Quinta
Máxima 22º - Mínima 10º
Céu limpo

Sexta
Máxima 23º - Mínima 11º
Céu limpo

Sobre os cookies: usamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.